segunda-feira, 17 de março de 2008

Será que tinha um irmãozinho?

Isso que dá comer na frente do micro.

Quase no finalzinho da maçã, quando tive que olhar pra fruta pra buscar as últimas 'sustâncias mordíveis', vejo aquela coisinha amarelinha se refestelando dentro de um buraquinho. Lembrei daquela frase que diz que 'pior do que encontrar bicho na fruta é encontrar só meio bicho' e fiquei mais aliviada, ele estava inteirinho.

Mas e se o bichinho da maçã tinha um irmão?

7 comentários:

ale disse...

Blécs! Isso nunca me aconteceu!

Maroto disse...

não se preocupe, a gente é o que a gente come. Então bicho de maçã é maçã. E vaca, aliás, é grama, de modo que o vegetarianismo é um contra-senso.

Débora Elman disse...

Era uma irmã e bicha é fruta.

Toninho Moura disse...

Já comeu beringela em restaurante?

Braços!

Eva disse...

É por isso que minha sábia mamãezinha só come goiaba no escuro. Não dá pra ver o bicho, nem meio bicho. Como Eva que sou, e portanto, sabedora de tudo que se refere a maçãs, sugiro que adotes o mesmo procedimento com relação a elas. Nhamnhamnham. Beijos enormes. Estou tão feliz por estar de volta ao nosso querido blog, não tens noção.

Enio Luiz Vedovello disse...

Bicho de fruta é proteína e quase nada de gordura...

venuss disse...

ALE: seguido eu tô comendo fruta sem olhar pra bicha e encontro um bicho logo depois de morder.

MAROTO: vou comer carne com menos culpa depois dessa. Gostei.
:)

DÉBORA: claro, claro. Só podia ser uma bicha.

TONINHO: berinjela é cheia de bicho ou bicha?

EVA: boa, no escuro. Comer no escurinho.

ENIO: minha próxima dieta vai ser a base de bicho da fruta. Devo secar rapidinho.