terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Banho de gato 4

Agora tente fazer o que a Eva propõe logo aí embaixo sem chuveirinho no banheiro, pegando água da pia e, portanto, com o box aberto e munida de um balde. Enfie o balde, a gata, o marido e você dentro do box minúsculo. Não tire a roupa, porque a sacanagem que vai rolar ali é de outra ordem. Peça pro marido segurar a gata, mas reclame a cada 30 segundos que ele está segurando forte demais, que já deu, que já foi enxaguada o suficiente e pelo amor de deus não deixa entrar água no ouvido dela. Mas antes de tudo isso alguém tem que ter a brilhante idéia de tosar o bicho com uma máquina de cortar cabelo que nunca foi usada, que ninguém lembra onde tá e a proposta é tosar a barriga da bichana. E quem vai segurar a gata de novo é o marido.

11 comentários:

Enio Luiz Vedovello disse...

Venuss, aí você fez tudo da pior forma possível. É pedir para que seja, realmente, uma tortura...
E é uma sacanagem maior ainda, porque no final nem rola clima para uma sacanagem. Pior, corre o risco é de acabar rolando uma briga...

venuss disse...

ENIO: sim, uma briga, ou várias, este foi o resultado final. E um arranhão no meu pescoço. Que foi dado pela gata, diga-se de passagem.

marcia disse...

venuss, abre o jogo. é um novo método de dizer "beibi, eu não te amo mais"? (pro marido, bem entendido)

:o

Maroto disse...

o marido da Eva está sendo mais bem tratado que o teu, ou é só impressão minha?

venuss disse...

MARCIA: acho que seria um ótimo método se fosse o caso. Problema é se os homens têm essa capacidade de entendimento. Acho que só apelando pra banhos diários no gato pra eles entenderem. E olhe lá.

MAROTO: eu parto do princípio que "não basta ter gato, tem que participar". (e aí eu tb já assusto ele um pouquinho sobre como é difícil tratar de seres menores em tamanho. Quem sabe o Jr. ou a Jrª demoram mais um tempo pra chegar. Estratégia, estragégia, não espalha...

Maroto disse...

mas pra evitar a chegada do Junior não precisa tudo isso! Basta dizer 'não' ou, se quiser ser mais tradicional, 'hoje estou com dor de cabeça'

Enio Luiz Vedovello disse...

Para evitar o Júnior:

- Anticoncepcional;
- Camisinha;
- Pílula do dia seguinte na gaveta, para emergências, imprevistos e banhos de gato que não acabam em briga.

venuss disse...

MAROTO e ENIO: vcs poderiam dar palestras sobre como evitar a gravidez na adolescência (que não é o meu caso).
:p

Anônimo disse...

Até agora não ví ninguém se preocupar com quem realmente importa: A GATA.

Enio Luiz Vedovello disse...

Palestra não prometo. Quem sabe outro post sobre o assunto...

Eva disse...

Meu marido pode estar sendo melhor tratado no que se refere a banho de gato, como suspeita a Maroto. Mas em termos de comida, o da venuss está mais feliz. E antes que vocês pensem bobagem, banho de gato e comida aqui querem dizer exatamente isso, banho de gato e comida.;P