terça-feira, 24 de junho de 2008

Noite 2

Pra completar o saldo dos primeiros dias sozinha em casa, botei pra fora todo o meu lado incendiária.
Depois do banho, esqueci a estufa do banheiro ligada.
3h30 da manhã uma vontade minúscula, mas minúscula mesmo, de fazer xixi me fez levantar no frio pra ir ao banheiro.
Quando abri a porta, aquela luz laranja queimando acendeu todas as sirenes de alerta dentro da minha cabeça.

Antes de dormir, um xixi fora do lugar estragou a noite. Depois do sono, uma vontade de xixi fora de hora praticamente salvou o apartamento (pra não dizer coisa pior).
Definitivamente, preciso fazer minha cabeça voltar às épocas em que eu morava sozinha.

6 comentários:

Japa Girl disse...

Até que foi um xixi oportuno, né? (o seu, não o da gata).
Bjo

Maroto disse...

e eu que achei que ia ter post sobre a saudade do marido todo dia! Não se faz mais esposa saudosa como no meu tempo...

Greyce disse...

Que perigo!!!!

venuss disse...

JAPA GIRL: xixi salvador, eu diria.

MAROTO: e não te ocorreu que talvez eu não tenha aguentado e tenha corrido pros braços do marido. E a isso se deva o meu sumiço?

Nahhhh... o zoológico inteiro tá pegando aqui e mal tenho tempo de dormir.

GREYCE: sim, um perigo. Mas minha veia incendiária já adormeceu.

Toninho Moura disse...

É só o marido viajar que você bota fogo na casa?

venuss disse...

TONINHO: rebeldia adolescente aflorando tarde.