segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Últimos capítulos

A Eva colocou desculpas futuras, eu me arrisco nas desculpas passadas.

Nesse tempo todo fora do Calçolas eu:
- trabalhei até as 3h da manhã
- fiquei 3 semanas sem ir à academia
- trabalhei até as 3h da manhã
- ganhei mais um cabelo branco (assunto que já passou da categoria novidade pra desespero controlado)
- trabalhei até as 3h da manhã
- desejei comer muitos doces e caí em tentação só uma vez
- trabalhei até as 3h da manhã
- não emagreci mais nenhum quilo (mas tb não ganhei 1g)
- trabalhei até as 3h da manhã
- fiquei sem faxineira
- trabalhei até as 3h da manhã
- tive uma crise de enxaqueca que durou 4 dias
- trabalhei até as 3h da manhã
- disse não a vários novos trabalhos
- trabalhei até as 3h da manhã
- estou há mais de 45 dias sem visitar a minha família
- trabalhei até as 3h da manhã
- vi o Natal chegar em pleno outubro (na metade do mês uma loja aqui perto já estava tão dourada que chegava a ofuscar)
- trabalhei até as 3h da manhã
- não fiquei rica porque trabalhar demais não enriquece ninguém, ou melhor, só não enriquece o camelo que trabalha
- trabalhei até as 3h da manhã
- continuei jogando na mega sena e não deu em nada
- trabalhei até as 3h da manhã
- quase não visitei mais os blogs amigos
- trabalhei até as 3h da manhã
- deixei de viajar com marido
- trabalhei até as 3h da manhã
- surgiram umas perebinhas nas pernas e demorei 15 dias pra arrumar tempo pra ir na dermato e descobrir que elas são petéqueas e ainda não sei o porquê da invasão das manchinhas
- trabalhei até as 3h da manhã
- tive uma pereba no rosto que ganhou o diagnóstico 'stress'
- trabalhei até as 3h da manhã
- deixei duas requisições de exames vencerem
- trabalhei até as 3h da manhã
- adiei a dentista duas vezes
- trabalhei até as 3h da manhã
- deixei de fazer uma série de coisas legais, e uma delas era bater meu ponto por aqui
- trabalhei até as 3h da manhã
- deixei de ser uma pessoa legal pra virar este monstro que vos reclama

Com tudo isso, eu tô uma chata, uma tia velha que só sabe reclamar. Daquelas que repetem o discurso reclamão a ponto do ouvido alheio traduzir tudo como o blá-blá-blá da propaganda do whiskas sachê.
Portanto, vou poupá-los da minha rabugentice precoce e temporária (assim espero) e só voltar a dar as letras aqui quando tiver algo bom pra dizer.
Ou menos chato, que já tá valendo.

7 comentários:

lili-gata disse...

miaaauuu...

Toninho Moura disse...

Ainda bem!
Brincadeirinha... Vale o comentário que fizemos no post anterior!

Japa Girl disse...

Um descanso amigo faz falta às vezes. Dê uma relaxada que a velha rabugenta vai embora.
Bjo!

Claudinha disse...

Concordo com a japa!
a gente perdoa vc!
bjos

Silvia disse...

Venuss!!! Vai dormir!!!
:)
miauuuuuuuuuuuuuu
Bjocas!

Claudia Goulart disse...

Adro seus posts, Venuss!
Dá pra imaginar tudo o que vc passou nesse tempo, trabalhando até as 3 da manhã.
Te perdoo por não ter me visitado até agora. Entendeu até agora!!!!
bjs

Alex.. disse...

Vai dormir guria... mas não na mesa do trabalho, após as 3h da manhã... :-P